quinta-feira, 24 de dezembro de 2009

ho ho ho


É fato que essa época do ano mexe com os hormônios da gente... fica todo mundo meio de TPM, saudoso, questionador, sentimental.

Que esse natal sirva então pra você perceber que ainda pode ser uma pessoa um pouquinho melhor com o próximo e com você mesmo.

Que reflita se não há mesmo nada que você possa fazer para tornar o mundo um lugar mais harmonioso de se viver. E, se não puder mudar o mundo, veja se não há algo que você possa fazer para mudar a vida de uma pessoa que seja.

Que você entenda o quão desimportante é o TER perto daquilo que você pode SER. Ao pó retornaremos, meu bem.

Que você perca o bloqueio e faça aquela pessoa próxima se saber amada. Muitas vezes ela está só precisando ter certeza do seu amor.

E que você se cobre menos. you´re doing a great job.

::

É impressionante como os natais pareciam melhores quando éramos crianças e, mais do que um caminhão de presentes, o que ganhávamos mesmo era a certeza de que aquilo duraria para sempre.

Que você, assim como eu, entenda que aqueles que já se foram ainda brilham, pelo menos hoje, dentro de nós. e que felicidade termos compartilhado uma mesma época com pessoas tão especiais. ainda que por menos tempo do que gostaríamos, ainda que, hoje mais do que nunca, a saudade doa.



E que esse carinho de papai noel não vá nunca embora do meu abraço.

2 comentários:

Ana Pacheco disse...

Feliz Natal Luaninha. Vc sempre me emociona!

Brasa disse...

O Natal há muto tempo deixou de ser uma época de alegrias para mim. Há 12 anos que não ligo mais pra ele, e diversas vezes passei sozinho, na paz do meu lar. Só não digo que é um dia qualquer pq é um dia de lembranças, em sua maioria tristes. Mas hj estou aqui na casa dos meus primos, vendo uma nova geração de crianças substituir a minha, e trazer alegria de volta a família e lembrar que a vida se refaz todo instante. Ontem, enquanto 3 crianças pulavam em cima de mim, gargalhando e puxando meu cabelo me dei conta disso tudo que escrevi. E certamente voltarei melhor hj para casa.

Feliz Natal!