sexta-feira, 19 de novembro de 2010

mais uma estrela no céu


fiquei triste hoje com a notícia de que uma pessoa tão querida não está mais aqui entre nós. como era uma pessoa alegre e o sofrimento estava trazendo tristeza à toda a família, resta pensar que a pessoa foi em paz, que está melhor agora, e que foi bom termos tido o privilégio da sua gargalhada.


e é hora de repensar. porque nessas horas a gente se dá conta de que a vida é excessivamente curta. e que estarmos aqui nesse mesmo planeta e nesse mesmo intervalo de tempo é uma benção. precisamos então fazer valer a pena cada um dos curtos minutos que nos foram dados juntos. pra entendermos que a vida é efêmera. que a vida é uma dádiva.

e que tomemos a vida de assalto, e que a viremos do avesso... e que não percamos a viagem.

::

"é tão estranho / os bons morrem antes"

Um comentário:

Fabiano Facó disse...

Lu, Obrigado pela homenagem a minha irmã e madrinha Marpe! Ela agora está em paz e sua família e amigos como você também estão! Estar do jeito que ela estava nos últimos meses não combinava com o jeito energético e transformador dela. É, eu também me pergunto porque os bons partem primeiro!

um beijão, fabiano - afilhado da Marpe