segunda-feira, 15 de novembro de 2010

a vida em 140 caracteres


Faz tempo que eu abandonei o twitter. Na época, minha atitude gerou uma certa indignação em algumas pessoas queridas, ainda viciadas na ferramenta.

A questão é que não vejo motivo pra manter tantas facetas na minha vida virtual. O mural do facebook supriu perfeitamente o meu impulso de divulgar qualquer besteira imediata... Sem a limitação dos 140 caracteres.

"Você está seguindo as pessoas erradas"; foi unísono o comentário. Pode ser.

E aí que hoje eu acabei lembrando que minha conta estava ativa. e resolvi "dar uma twittada". Não postei nada, visto que eu não tinha nada pra dizer. Mas me dei conta de que, sem minha autorização, o meu twitter estava, sim, seguindo um bando de gente nada a ver.

Limpei quase tudo e resolvi dar uma fuçada naquela joça. Tá. achei coisas legais. Ainda existe vida inteligente nos 140 caracteres.

Mas eu sou verborrágica e pra mim é bem difícil manter-me interessante num espaço tão curto de tempo. Mas, vá lá: prometo então dar uma última chance à baleinha. Ué? não era uma baleinha? Xi... acho que até pro twitter eu ando meio old school demais.

::

À propósito, é /luamaislegal o twitter da garota enxaqueca aqui.


Nenhum comentário: